Apple lançará uma linha de Macbooks ultraportáteis dedicados ao trabalho em casa (Trabalho Remoto)

Todos os computadores Mac si MacBook atualmente estão equipados com processadores Intel. O que muitos usuários de Mac não sabem é que esses processadores não foram os primeiros a estar presentes em um Mac. Eles apareceram no Mac há cerca de 15 anos e o substituíram Processadores PowerPC. Esses processadores surgiram na fase pioneira da tecnologia de hardware de PC, devido à necessidade de construir uma arquitetura confiável, sólida e flexível para sistemas operacionais. PowerPC apareceu em 1991 e foi criado pela aliança Apple, IBM si Motorola (AIM).

Há rumores cada vez mais recentes, como na Conferência Mundial de Desenvolvedores deste ano (WWDC), Apple anunciará a troca de processadores Intel la ARM (Advanced RISC Machine) para laptops MacBook. Esses são os mesmos processadores presentes no iPhone si iPad.
Pode parecer um pouco estranho, à primeira vista, ter um MacBook com um processador para iPhone ou iPad, mas hoje em dia muitos smartphones (não apenas o iPhone) estão equipados com processadores muito mais poderosos do que muitos laptops no mercado. O chip A13 no iPhone 11, 11 Pro e 11 Pro Max, assim como no iPhone SE, é muito mais poderoso que os processadores Intel Core presentes em muitos laptops nas prateleiras das lojas.
Como uma comparação mais precisa, um chip A12 no iPad Pro é mais poderoso que um Intel Core i5 decente.
Não seria Apple a primeira empresa a fazer isso. A Samsung e a Microsoft usam processadores de smartphones para laptops há algum tempo.

Mudando de processadores Intel para ARM no MacBook, não será fácil. Um verdadeiro desafio será o design de novos aplicativos para a nova arquitetura ARM. Em outras palavras, os aplicativos atualmente disponíveis para o MacBook não serão compatíveis com a nova arquitetura de hardware do ARM. Os desenvolvedores precisarão reprojetar aplicativos, e esse processo exigirá tempo e recursos financeiros.
O sistema operacional macOS não será mais compatível, mas para a nova geração do MacBook ARM, é muito possível encontrar um iOS modificado. Como foi o caso do sistema operacional iPadOS.
Apple considera que os primeiros modelos de MacBook com processadores ARM serão construídos na segunda metade de 2021 e os primeiros aplicativos disponíveis serão os básicos desenvolvidos por Apple. Suíte iWorkprogramas edição de vídeo si auditivo.

A nova geração de MacBooks com processadores ARM será projetada para pessoas que precisam de mobilidade esportiva e será ideal para quem precisa trabalhar em casa (trabalho remoto) e no escritório. A nova arquitetura permitirá a construção de uma nova geração de Ultraportable MacBook e maior duração da bateria.

Apple não leva em consideração (pelo menos por enquanto) que os processadores ARM também estão presentes no MacBook Pro. Esses dispositivos permanecerão na Intel por muitos anos. Eles precisam de alto poder de processamento, compatibilidade com placa de vídeo e RAM de alta frequência.

Apple lançará uma linha de Macbooks ultraportáteis dedicados ao trabalho em casa (Trabalho Remoto)

Sobre o autor

discrição

Apaixonado por tudo o que significa gadget e TI, tenho o prazer de escrever no stealthsettings.com da 2006 e adoro descobrir coisas novas sobre computadores e macOS, sistemas operacionais Linux, Windows, iOS e Android.

Deixe um comentário